Skip to main content
Eleições no Brasil

Eleições no Brasil

Atenção, senhoras e senhores eleitores! Dois mil e dezesseis, um ano politico no Brasil. Breve iniciará a campanha eleitoral. Acredito ser oportuno tecer comentário referente à matéria, visando o bom uso da prudência, do discernimento, da consciência, da responsabilidade e valorização da cidadania ao votar:

  1. Vote em candidatos comprometidos com o bem estar da população brasileira. Não se deixe enganar por promessas vãs;
  2. Escolha seus representantes entre cidadãos: ficha limpa, confiáveis e de condutas ilibadas. Voto é uma delegação de poder, procuração que só si passa a candidato, seu procurador;
  3. Por vários motivos, procuração passada pode ser revogada a qualquer momento. Na eleição, o eleitor confia seu precioso voto ao candidato para representa-lo bem. A partir do momento que não se sinta representado, deveria também cancelar o voto, “procuração”. Tratando-se de voto, o eleitor não tem esta prerrogativa. “Deveria ter”;
  4. A sociedade civil, visando sua autodefesa, precisa se organizar melhor. Existe crime organizado porque a sociedade é desorganizada. Ao contrário ele não se organizaria. Na Bandeira do Brasil está escrito: “Ordem e Progresso”. O oposto seria: “Desordem e Fracasso”;
  5. Pela Constituição Brasileira/88, todos são iguais em direitos e deveres, na prática, não é o que si vê. Em se tratando de saúde pública, educação, segurança, moradia e alguns quesitos a Pátria Educadora, Brasil, “País de todos”, é só de alguns;
  6. Na área da assistência social o brasileiro carente, em diversas situações, é amparado por organizações da sociedade civil, representada por: creches, casa-lar, centros de apoio a menores em riscos e/ou recuperação de infratores, abrigo, Instituição de Longa Permanência para Idosos – ILPI’s, APAE’s, outras. Normalmente passam por grandes dificuldades e lhes faltam apoio do poder público. Algumas são referências. Em se tratando de instituição beneficente, o Asilo São Vicente de Paulo – Lar Betânia de Montes Claros, exemplo de instituição filantrópica, transformado em algo parecido com hotel fazenda para idosos. Na condição de ILPI, presta serviços de alta complexidade 24 horas por dia, 7 por semana, 365 por ano, a 110 idosos em média, 66 dos quais são acamados ou cadeirantes e os demais, deambulam com alguma dificuldade. A transformação só foi possível graças à generosidade da população montes-clarense. Ser referência, por si só é pouco, é preciso ser influência. As instituições têm poder/dever de cobrar e fazem. Por que os governos, em seus escalões, têm poder/dever de fazer, não faz e/ou faz em quantidade e qualidade abaixo do desejado? O Brasil é um País de todos, por que existe excluído?
  7. No Brasil paga-se impostos embutidos, até da esmola que se ganha quando o esmoler compra alimentos ou produtos com o minguado dinheiro originário de ofertas recebidas;
  8. Reflita-se. Valorize a cidadania. Não permita que pessoas de más condutas, ligadas ao crime e corruptas mandem em nosso País, ocupem cargos eletivos (no executivo e legislativo), nos três escalões de governos, respaldadas com seu precioso voto e nem ajam em seu nome. Vote bem para não se arrepender. “Dizem que de arrependidos o inferno está cheio, prefiro dizer, o Brasil está farto”. Pense nisto. Exerça a cidadania. Junte-se a nós. Abrace esta causa.

“Não somos donos do mundo nem do Brasil, mas filho do dono, por conseguinte, responsáveis”.
“Vamos passar o Brasil a limpo e transforma-lo na Bandeira da Paz”.

 

Sobre o Autor



Comente

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Entendemos que a forma mais civilizada e simpática de combater a violência é promovendo a paz. Construir a paz é urgente e necessário. É missão de todos.
Acompanhe